sexta-feira, dezembro 14, 2007

MENSAGEM PARA MIM



---------- Forwarded message ----------
From: Nina Maria <nm@...
Date: 16/05/2007 11:07
Subject: 16 de maio
To: josefvannucchi@gmail.com

Dia 16 de maio de 1969 . Às 10:00 hs, iniciam-se os preparativos para o "grande dia" : cabelereira, maquiadora, a conversa com as primas queridas que vieram do interior (minha querida Catanduva) para partilhar aquele momento tão especial!

Chegou uma encomenda da Floricultura : Uma orquídea com um cartão : "Muitas felicidades para nós".

O coração batendo emocionado, os olhos sorrindo, eu via chegar o dia esperado com tanto carinho, desde a adolescência.

As fotografias tiradas em casa, antes de ir para a Igreja; a conversa com meu pai durante o trajeto para a cerimônia (Filha, você promete que vai ser feliz?) .

A espera pelo noivo . A noiva chegou antes do horário e o noivo atrasado (rs!rs!). A entrada na Igreja : mãos dadas com meu pai, vi lá no altar, no lado esquerdo, minha mãe, meu irmão, meus padrinhos e, logo, o meu olhar se fixou "nele", o meu amor; o homem que meu coração escolheu para partilhar toda a minha vida. Tão sério, emocionado, tão querido!

Hoje, 38 anos passados, este dia continua tão presente, com todo o seu significado, com toda a emoção, o amor tão forte!

Meu bem, eu te amo, por você ser exatamente o que é, com todas as suas imensas qualidades, com os pequenos defeitos ( que realçam as qualidades), por todos estes anos de cultivo do amor, pela amizade, cumplicidade, pelas horas de silêncio a dois, pelos risos, pelas horas de luta, pelo cantar em família. Eu te amo, também, ao amar nossos filhos, nossas netas. Amo o teu olhar de manhã, o som da sua voz; até o som do teclado do computador, quando você está "conversando" com os nossos amigos, tão queridos!

Voltando à pergunta do meu pai, no dia do nosso casamento, a resposta foi "Eu prometo" e esta promessa está sempre sendo cumprida. Deus nos abençoe para que possamos estar juntos mais anos ainda.

Você é meu amor, minha vida!

_ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _


O e-mail acima, eu recebi no dia 16 de maio último, dia em que a Nina e eu completamos 38 anos de casados. Nem preciso dizer para vocês que chorei de emoção, não é mesmo? Obviamente, abraçado nela.

Hoje é outra data muito importante para nós: 43 anos de uma conversa telefônica:

Eu: "Você quer namorar comigo?"

Ela: "Si quero!!"

E foi assim que, no dia 14 de dezembro de 1964, depois de um bom tempo de paquera, começamos a namorar. E namoramos até hoje!

_ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _

Gentes, estou escrevendo diretamente do sítio, em Itatiba/SP. Acabo de por para fora do escritório (para o gramado) uma pequenina rã que por aqui passeava, vinda sei lá de onde e como. Foi um baile! Como esse bichinho pula! Lógico que eu não ia pegá-la com a mão. Com um jornal, com o máximo cuidado para não machucá-la, eu a empurrava para fora. Ela não entendia nada, pulava, pulava e voltava para dentro. Finalmente, consegui.

Passado o episódio "rã", voltemos ao texto.

Como eu dizia, estou escrevendo do sítio. O cumputador é bem velhinho. Acho que nem é movido a eletricidade. É um computador "a vela". Aqui no cantinho do teclado, o antigo dono escreveu seu nome. Nossa! Que forma arcaica de desenhar as letras! Deixem-me ver se consigo entender: Peeeroo... Iso mesmo: Pero! E depois? Esse dá para ler bem: Vaz. Em seguida... de Caaa... de Caaminnnnha. Pero Vaz de Caminha? O antigo dono do micro? Será possível? Gentes, acho que foi neste computador que ele escreveu a famosa carta para Dom Manuel, o Venturoso, El-Rei de Portugal!

_ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _

Gentes, vou precisar levantar às cinco e meia, pois preciso voltar para São Paulo e chegar em casa antes das oito da madrugada. Hoje, o pessoal da transportadora passou o dia embalando as coisas: louças, vidros, cristais, equipamentos vários, cadeiras, mesas, sofás, tudo. O objetivo é embalar tudo. Haja papelão, caixas de papelão, e... plástico-bolha. Amanhã, depois das oito da madrugada, eles lá estarão para continuar embalando o que ainda falta. O caminhão só pode encostar à uma hora da tarde. Até esse horário, é estacionamento proibido. Aí, carregam o caminhão e voltam para o depósito. A mudança só chega ao sítio na segunda-feira.

E o que eu vim fazer no sítio, à noite, se tenho de estar de volta bem cedo? Vim trazer a Nina e o Eddie Wood. O Ed é o meu beagle (cada dono tem o cachorro que merece!). A recomendação da transportadora é para que não fiquem animais (cachorros malucos, principalmente) no local, por ocasião da retirada das coisas.

Em casa, quando chega alguém, é para visitar o Ed. Ao menos é como ele pensa! As pessoas têm de dar atenção integral a ele. Vocêm não imaginam o que foi hoje, durante o dia, com o pessoal da transportadora "tentando" embalar as coisas e o danado querendo "chamar a atenção".

Pior foi quando chegou a equipe de reportagem da TV Band, às duas da tarde. Não contei? Pois é! Está previsto para o Jornal da Band de 2ª feira (19,20hs - horário de São Paulo). Não deixem de assistir! Não vou falar o que era a matéria para não estragar a surpresa.

Mas, quando chegou o pessoal da Band, quem mais queria aparecer era o Eddie Wood! Foi filmado subindo na mesa do computador. Só não sei se ele irá "ao ar"! A família toda estava lá, para a reportagem. O operador da câmera foi bem claro: "Em oito anos de trabalho, nunca fiz uma matéria com uma família tão doida." rsrsrsrsrs

Ou seja: o Ed não estará em casa, na hora de carregarem o caminhão. E nem a Nina, pois alguém precisa tomar conta dele para que não destrua toda a ordem e paz do sítio.

Por isso sempre digo: pensem muito bem antes de comprar um filhotinho de beagle! Precisa ter vocação para possuir um cachorro desses. (O Eddie Wood, com cinco anos de idade, é nosso segundo beagle. Antes dele, tivemos a Belle Fruitcake, que viveu quatorze anos. Sem contar com o Sir Lancelot - Lance, para o íntimos - do sítio, que viveu dezesseis anos. Um mais trapalhão que o outro)

_ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _

Gentes, estava escrevendo e pensando. Comecei a namorar com a Nina num dia 14 de dezembro. Devia ter começado a namorar depois do Natal, não é mesmo? Teria economizado um presente! (se ela lê isto, me joga no lago - rsrsrsrsrsrsrsrsrs)

Pensando melhor, até que foi um bom negócio! Eu dei um presente a ela e ela deu um presente para mim. Um a um! Jogo empatado! Uma semana depois, no dia 1º de janeiro, meu aniversário, ganhei outro presente. Ótimo: Dois a um para mim. Ganhei! hehehehehehehehehehehehehe!

_ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _

Gentes, em novembro, em Fortaleza, fui entrevistado pela TV Verdes Mares. Ilustrando a matéria, inclusive, apareceu no jornal local um pouco da palestra que fiz sobre as "normas para julgamentos em exposições de orquídeas".

Agora, entrevista na Band que, ao que parece, vai para o jornal nacional da emissora.

Com tanta "evidência", será que a Globo não "repara" em mim e não me coloca no lugar da Xuxa, agora que estão tirando o programa dela "do ar"? Modéstia à parte, acho que seria um ótimo negócio para eles! E para mim, também! Acho que vou comprar uma peruca loira e já começar a ensaiar

I la ri la ri la ri ê
Ôôô
I la ri la ri la ri ê
Ôôô

Abração
JF





5 comentários:

Luciana Farias disse...

Sempre me emociono com essa troca de e-mail docês, paiê...

Bom, uma coisa legal de vocês escreverem daí do sítio é que agora podemos contar com mais textos, não é???

UEBAAAAAAAAAAA!!!!

beijocas...

Anônimo disse...

Confesso que não pude ler o texto todo mas prometo que volto para ler o resto ecomentar de novo. Estou com pressa e não sei se poderei voltar tão cedo. Parabens pelo belo casamento! Que beleza um amor que sobrevive e que tem coragem de assumir. Eu tenho certeza de que meu marido me amou a vida toda, mas ela nunca admitiria isso em publico. ( Só no pé da orelha)rsrs

Um Feliz Natal e um novo ano pleno de bênçãos!
Maith

Nina Maria disse...

Amor,da minha vida!
Ainda bem que você não esperou até o Natal para me pedir em namoro. Não sei como consegui viver 16 anos sem ter você em minha vida!
Começamos ontem, dia 14/12/07 uma nova fase do nosso namoro.
Te amo mais do que nunca!
Se eu quero namorar com você?
Si, queroooooooooooo!!!!
Beijos

Your Soul disse...

Coisa mais linda isso JF, e que família linda, que Deus abençoe sempre e sempre.
Beijos

Anônimo disse...

Olha vocês realmente são um exemplo de vida de amizade de carinho de tudo.
Acho que seu pai estará também ganhando muito com esta nova fase de sua vida
Espero com carinho comemorar com vocês aí, os 50 anos de casados e darmos muita risada juntos
Antes disso quero ter o prazer de ler seu livro, seus causos num livro
um beijo no coração desta fam~ilia tão querida

M RIta