terça-feira, março 04, 2008

VEÍCULO DE COMUNICAÇÃO BEM MODERNO


Existe uma forma muito atual de comunicação: a “porta de geladeira”. É um meio de comunicação não incentivado pelo governo por suas características de informalidade, o que dificulta a cobrança de ICMS, ISS, PIS e Cofins sobre ele, o que já vem sendo cobrado nas contas de telefone, por exemplo. Mas, estão tentando enquadrar...

“Porta de geladeira” consiste em deixar um bilhete para alguém num papelzinho qualquer, preso à porta da geladeira (do lado de fora, lógico!) com um desses imãs de geladeira. Pode ser qualquer imã. Desde aqueles de propaganda de farmácia até os mais sofisticados, com a figura de um pingüim. O destinatário, ao passar em frente à geladeira vê o recado pregado à porta, lê, responde com outro bilhete ou toma as devidas providências, se for o caso.

Por exemplo: a pessoa trabalha fora o dia todo e a faxineira vem limpar o apartamento no horário das 10 às 13 horas. A pessoa deixa um recado preso à porta da geladeira:

“Filó, a cozinha está um lixo. Deixe tudo brilhando.”

A Filó responde com outro recado:

“Fui contratada para limpar sujeira normal. Você promove orgias em seu apartamento. Limpe esse lixo você mesmo!”

Lá em casa, o Adriano tinha os horários mais estapafúrdios possíveis, o que tornava difícil encontrá-lo em horários normais. Ou, quando estava em casa, estava enterrado em seu computador, trancado no seu quarto. A comunicação normal, dessa forma, era bastante difícil. O que resolvia era a “porta de geladeira”. O inconveniente é que mesmo as pessoas não diretamente envolvidas acabavam lendo suas mensagens. E, participando das mesmas.

Na mudança, encontrei uma série de bilhetes trocados à porta da geladeira e que ficaram guardados, da época em que ele ainda não tinha mudado para seu próprio apartamento.

Vejam essa sequência:

Adriano: “Mãe, fui jogar boliche com o pessoal. Beijos, Eu. PS - preciso de dinheiro pro fim de semana.”

Pai: “Que coincidência!!! Eu também preciso de dinheiro pro fim de semana. Pai”

Adriano: “Pai. Se você também precisa de grana, então siga meu conselho: pede pra mãe. Pra mim funciona sempre!!! Beijos, Eu”

Pai: “Quando é pro filhinho ela sempre arranja dinheiro! Como era pra mim, ela disse que não tinha! Pai”

Adriano: “Pai, você tem que entender que é com esse tipo de ação que a mãe prova que é uma alma boa e caridosa. Sabe como é... Me dar dinheiro... Ajudar velhinhas a atravessar a rua... Casar com você... Atitudes que a tornam digna de beatificação. Orgulhemo-nos, então!!! Beijos, Eu”

Pai: “Meu chinelo ficou esquecido no sítio só porque não era o chinelo do filhinho!!!”

Adriano: “Pai, na verdade a mãe não esqueceu seu chinelo... Sabe como é, ela precisava de algo para vender pra poder me dar o dinheiro! Falando nisso, você não tem sentido falta de umas camisas suas, não? Beijos, Eu”

Bem que já disseram que é uma família muito doida, mesmo!

_ _ _ _ _ _

PROBLEMAS COM O RELÓGIO

Outro dia terminou o “horário de verão”. Fui atrasar meu relógio e começou meu drama. O pininho que muda data e horas saiu na minha mão. Resultado? Meu relógio está marcando uma hora a mais. Às vezes, distraido, tomo cada susto ao olhar as horas! Imagino, sempre, estar uma hora atrasado.

O pior mesmo foi na passagem do dia 29 de fevereiro para 1º de março. Não deu para acertar. Assim, meu mês de fevereiro durou exatos 31 dias. E, agora, no dia 4 de março, meu relógio ainda marca o dia 2 de março. Dois dias atrasado e uma hora adiantado. Já pensaram?

Bom, no final deste ano, quando voltar o horário de verão, não precisarei mexer no relógio. Ele já estará em ordem. Ao menos quanto às horas.

Por outro lado, considerando que a cada mês de trinta dias ele atrasará mais um dia, e com a ajuda dos meses de fevereiro, mais curtos, exceto fevereiro de 2012, ano bisexto, cheguei à conclusão que, se eu esperar até março de 2013, meu relógio voltará à normalidade na questão dia.

Tem o inconveniente do meu “horário de verão” que passa a ser eterno, mas acho que vou esperar março de 2013. Afinal, a grana anda curta.

É isso aí e... Ops! Mas no final de abril de 2013 ele ficará com um dia de atraso, novamente.

Ééééééééé!!! Não tem jeito! Vou mandar consertar o relógio. Desculpem passar para vocês esses cálculos feitos por gente que parece não ter coisa mais útil para fazer.

_ _ _ _ _ _

COMENTANDO UM BLOG: BLOG INTERATIVO

Hoje quero comentar um blog muito interessante. Trata-se do Blog “LINO RESENDE”
( http://www.linoresende.com.br/blog/ ). Meu amigo Lino costuma comentar temas atuais. Hoje, por exemplo, está falando dos alimentos com mudanças genéticas e de remédios com mudanças genéticas. Comentários muito bem feitos, embora, aparentemente, nada traga de novo. Mas, e aí é que vem a diferença para outros blogs que, também, cuidam de assuntos da atualidade. O Lino apresenta o tema de tal forma que as pessoas sentem-se impelidas a comentar e colocar posição. Com isso, acabamos tendo um assunto muito bem desenvolvido pelo Lino e por todos os leitores. É por isso que eu o considero um blog interativo. Além disso, o Lino costuma dirigir interessantes pesquisas, como a atual: “Qual seu tipo de inteligência?”, nas quais as pessoas vão votando e se têm, no final, um perfil dos frequentadores da página. Enfim, um blog feito com muita inteligência e propriedade. É um dos meus preferidos e por isso está na minha relação de links. Não deixem de conferir.

_ _ _ _ _ _

Abração a todos.

6 comentários:

Anônimo disse...

Ainda não coloquei nos favoritos, mas hoje li o que ainda não tinha lido.
Vi dona Amelia e fiquei encantada, como eles nos fazem falta.
Mas adorei o caso da variant, fantástico, D Amelia que lindinha acontecer assim um "causo" tão interessante
Um abraço
Rita

luizcarlos disse...

Muito bom a historia da geladeira.
Parabéns

Blog do Beagle disse...

JF, como sempre eu me diverti com as coisas da familia e aprendi como não usar um relógio kakakakakaka Olhe, eu costumava usar o espelho do banheiro para deixar recados M U I T O importantes. Aqui em casa eu uso o claviculário. Está pendurado num lugar estratégico e ali penduro bilhetes, notinha do tintureiro para buscar roupa, termo de garantia de assistência tecnica; receita médica para ser seguida ... Bjkª. Elza

Claudinha disse...

Olá papai desenho! Fiquei muito feliz com sua visita, adoro sua filha e a família desenho, temos algumas coisas em comum (como filhos que mereciam um filme da sua vida). Pelo post vejo a quem a Lu puxou... Bem, esta da geladeira é infalível. Eu odeio coisas penduradas na minha geladeira, então se tiverem ímãs lá, vai dar resultado porque venho que nem louca pra tirar e resolvo para pararem de me encher a paciência. Mas ainda não cheguei ao ponto de vender as coisinhas do Szafir! Porém, é um ótima idéia! Quanto ao Lino, assino em baixo, o nosso amigo é nota 10! Agora, por favor, pai da Lu, arranje um outro reloginho e mande este pro conserto... Senão corre o risco de se perder no espaço tempo,rsrs;
Volte sempre, adorei a visita! Abraços e beijos pra família desenho musicado!

Wagner disse...

Bom dia, adorei este blog. A série de bilhetinhos na geladeira é incrível....E achei muito inpirador o seu senso de organização a longo prazo, uhauhua. Abraços!

Marco disse...

Muito legal a história dos bilhetinhos na porta da geladeira! Achei muito engraçada a troca de recadinhos entre pai e filho. Não tem jeito: mãe sempre protege filhinhos.
E esse seu relógio, heim. A minha cabeça deu volta igual aos ponteiros... rá, rá, rá...
O blog do Lino é DEZ. O cara manda muito bem.
Carpe Diem.